2

Vasculite ???


Na terceira semana que o Kenjinho estava indo pra escolinha , quando voltou de lá , vi o pescocinho dele meio vermelho .
Fui olhar melhor e vi que o vermelhidão descia pelas costinhas dele e me apavorei.
As costas inteira estava vermelha , cheia de pontinhos avermelhados , como se fossem hematomas.


Quando vi ele assim , chorei , me arrependi de mandá-lo pra escolinha , pensei no porquê eu estava fazendo aquilo e me culpei demais , porque achamos que ele tinha apanhado .

Primeiro pensamos que alguém tivesse batido nele ...um adulto , ou até mesmo a moça que olhava ele .Depois o marido e eu começamos a pensar na possibilidade dele ter caído de costas , escorregado e batido em algum brinquedo ou até mesmo no chão.

Muitas coisas passaram na nossa cabeça , muitas dúvidas e voltamos na escolinha.

A dona da escolinha que nos atendeu,  e disse que tinha reparado nos hematomas e que ia me falar quando fui buscá-lo , mas ela esqueceu porquê ficou conversando com a madrinha do Kenjinho , que tinha ido lá pra ver se colocava o Diogo lá nas férias escolares.

Ela chamou a moça que olhava ele na época e ela disse que nada havia acontecido e que ele não tinha caído.

Ninguém lá soube explicar o que aconteceu e eu eu fiquei muito revoltada , brava porquê achava que eles poderiam estar omitindo alguma coisa.
Como ninguém sabia o que aconteceu?

Meu mundo caiu e chorei , meu coração doeu em imaginar que meu filhinho tivesse apanhado , talvez espancado.

Saímos da escolinha e fomos pra unimed  , na emergência e lá ficamos o dia inteiro , pra esperar os resultados saírem.

Como um dos resultados só sairia á noite , resolvemos ir na polícia . Queríamos dar queixa , pois estávamos convictos que era culpa da escolinha .

Lá eles nos aconselharam a esperar pelos resultados dos exames e se não desse nada , era pra voltar lá e aí sim abrir um boletim de ocorrência.

Comecei a ligar pra alguns pediatras e pedir um encaixe de emergência e não consegui nenhum. Liguei pra uma pediatra que ele já tinha passado uma vez e expliquei pra ela o caso .Ela disse que nem ela saberia dizer se os hematomas eram de "pancadas" ou não.

O jeito foi esperar os resultados e quando saiu a médica que atendeu disse que estava tudo normal. Ele tirou um raio x do pulmão e fez exame de sangue e de urina.

Pensávamos  também que poderia ser um problema no sangue , o que me apavorou mais ainda.
Nós não sabíamos o que poderia ser pior , ter a confirmação de que ele realmente havia apanhado ou se ele estava com alguma doença sanguínea. Mas graças á Deus ele não têm nada , inclusive ela disse que foi a primeira coisa que ela descartou - uma leucemia.

A médica disse que tinha dado uma infecção , mas que não sabia o tipo de infecção e nos encaminhou para um hematologista.

A opinião dela foi a seguinte ... poderia ter sido uma pancada ou um "trauma" nas palavras dela , mas pelo aspecto não parecia  . Nos mandou voltar pra casa e caso ele tivesse febre , era pra voltar lá imediatamente.

Eu nem conseguia dormir de tão preocupada e ficava toda hora medindo a temperatura dele.
A noite foi tensa pra mim , mas ele estava bem , nada mudou no comportamento dele.Nem durante o dia.

Fomos ao hematologista que ela indicou no dia seguinte , que fez um encaixe.

Ele viu os resultados , examinou o local e disse que não poderia dizer com 100 % de certeza , porque isso só o médico legista pode fazer , mas que era muito pouco provável que ele tivesse apanhado , até porque o hematoma seria diferente .

O hematoma de uma pancada é mais roxo e vai ficando meio amarelado com o passar dos dias , isso é fato.

Ele viu nos exames, não uma infecção , e sim uma anemia . E a médica do plantão também havia dito que ele estava com estomatite , mais conhecida como "sapinho"  . A língua e a garganta dele estavam cheias de bolinhas vermelhas.Estava também resfriadinho. Fora isso não havia nada de diferente , nem febre , nem diarreia.

O médico hematologista deu então o diagnóstico : vasculite.
Ele disse que não precisava fazer exames para constatar , que só judiaria dele sem necessidade.

Mas o que é vasculite ? Ele explicou que é causado por bactérias e que elas causam uma inflamação nos vasos sanguíneos . Assim as veias se expandem e aparecem na pele como hematomas.

Disse que não era nada grave , que não era muito comum , mas que não era motivo pra se preocupar.
E nem precisava tomar remédio .

Os "hematomas" que eram várias pintinhas vermelhas aglomeradas , foi sumindo no segundo dia e no terceiro quase não tinha nada.
Não houve aquele processo de hematoma roxo que vai amarelando.Sumiu da mesma forma que apareceu.

Na verdade , nenhum médico nos disse : " Não , não é hematoma de pancada". Todos disseram que : " Pode ser , mas acho que não é ". O hematologista até riu e disse que a gente estava exagerando . Mas no mundo de hoje , eu não acho que foi exagero.

Nesse dia fomos na escolinha e conversamos com os donos , e mais calmos , marido e eu nos tranquilizamos mais ainda depois da conversa com eles.

No dia da confusão ,  eu disse para a dona que iríamos abrir um boletim de ocorrência e ela até nos incentivou , dizendo que era melhor , pois assim todos veriam que eles não tinham culpa de nada.
Mas graças á Deus não fizemos isso , porque não tínhamos certeza e não queríamos prejudicá-los sem nem saber o que aconteceu.

No dia seguinte o Kenjinho voltou pra escolinha e eu senti segurança em mandá-lo , porque acreditei na Carol e no Sandro , que são os donos. Acreditei na seriedade do trabalho deles e percebi que eles têm uma equipe bem legal e que realmente nada desse tipo de coisa poderia acontecer naquele ambiente.

Caso houvesse qualquer dúvida ainda , eu não o mandaria mais . Mas Deus nos mostrou a melhor forma de agir.
E o Kenjinho fica bem , quase nem chora mais , e isso acalma meu coração ...não por medo dele ser maltratado , mas por saber que ele está bem lá , que não estranha mais o ambiente e que se diverte brincando com os amiguinhos.

2 comentários:

Mamãe da Marina (Bibi) disse... [Responder o Comentário]

Nossa, Tati, que coisa heim?!?!
E tem tratamento pra isso? Pra não voltar?
Sabe, eu tomo muito cuidado com as coisas da escolinha, principalmente porque elas precisam ter muita responsabilidade pra cuidar de crianças, bebês. E toda escola sabe que qualquer coisa de diferente que aconteça com o filho de alguém, serão responsabilizados. A Nina teve assadura e elas cuidaram muito bem, se preocuparam muito.
e eu procuro também nunca discutir, brigar. Sempre investigar antes, porque tenho muito medo que depois a Nina volte e elas fiquem chateadas comigo e possam descontar na Nina. Aí sim, ia morrer de culpa.
Que bom que o Kenji está bem! Final feliz! Graças a Deus!
Bjo pra vcs!

Ju Marchioro disse... [Responder o Comentário]

Amiga do céu, eu teria morrido antes de chegar a um hematologista... Eu que fico com a Laurinha o tempo todo qdo vejo algum arranhão fico me sentindo a mãe mais relapsa que existe, imagino seu coração como deve ter ficado. Graças a Deus não foi nada de mais né!!! Beijinhos no Kenjinhos lindoooo

Postar um comentário